Notícias   



Abastecimento de água será interrompido em 59 pontos de Manaus nesta quarta (4)

Aumentar o texto: A- | A+
Zonas Leste e Norte da capital serão afetadas pela interrupção que vai acontecer por conta de uma manutenção em subestações elétricas. Veja áreas afetadas

Por causa de serviços de manutenção em subestações elétricas, o serviço de abastecimento de água será interrompido em 59 áreas de Manaus, entre bairros e conjuntos, nesta quarta-feira (4).

Em nota, a Manaus Ambiental afirmou que a manutenção tem como objetivo “garantir a qualidade e continuidade dos serviços de abastecimento de água”. Os trabalhos terão início às 6h com previsão de término para as 14h, totalizando 08 horas de duração.

O reestabelecimento da distribuição de água junto aos bairros, no entanto, ocorrerá em até 24 horas após a parada programada. A manutenção Eletromecânica Preventiva Anual será feita nas Subestações Elétricas localizadas na Estação de Tratamento de Água de Ponta das Lajes.

Durante o período será interrompido o abastecimento de água nas seguintes áreas:

São José: I, II e III, Castanheira, João Bosco I e II;

Nova Floresta: Jorge Teixeira I, Gilberto Mestrinho, Grande Vitória, Nova Vitória, Nova Conquista, Tancredo Neves, João Paulo I e II, Brasileirinho, Santa Inês, Cidade Alta, Bairro Novo, CJ Viver Melhor III;

Jorge Teixeira II: Jorge Teixeira II III e IV, João Paulo I e II, Brasileirinho, Santa Inês, Cidade Alta, Bairro Novo, CJ Viver Melhor III e Monte Sião;

Núcleo 23: Núcleo 21, 22, 23, 24 e 16, Sra. de Fátima I, Mutirão, Novo Aleixo I e II, Lot. Aguas Claras, Amadeu Botelho, Vila Rica, Parque das Garças e São José dos Campos;

Cidade de Deus: Alfredo Nascimento I e II, Cidade de Deus I e II, Braga Mendes, Parte do Monte Sião, Nossa Sra. Fátima II, Aliança com Deus, Fazendinha I, Ben Hur, Vila Nova II, Gustavo Nascimento, Valparaíso, Comunidade Santa Barbara, Viver Melhor II.

“A Manaus Ambiental pede aos clientes que reservem água, economizando por meio de caixa d’água ou reservatórios, para evitar o desabastecimento nos domicílios até a normalização total”, diz trecho da nota emitida pela empresa.

Leia mais em:

 » Galeria de Fotos
 


Fonte: www.acritica.com  

 » Notícias Relacionadas

  21-09-2018 Estado realiza perfuração de poços em diversas regiões.
  21-09-2018 Militares brasileiros fazem perfuração de poços de água na Guiana.
  21-09-2018 Abastecimento de água em cidades de AL na seca deve custar R$ 2,3 milhões por mês.
  21-09-2018 Compesa paralisa abastecimento de água em Caruaru, Agrestina e Cachoeirinha.
  18-09-2018 Após um mês sem água, MPF pede que aldeias recebam água em caminhões-pipa.
  18-09-2018 Um ano após crise hídrica, Viçosa e Ubá não têm previsão de racionamento de água em 2018.

 

Parceiros


Publicidade